Detalhes do serviço

Informações detalhadas do serviço

Descrição
  • Pesquisa/consulta das vagas de emprego ofertadas no sistema de acordo com o perfil do candidato (trabalhador), tem o objetivo de realizar o encaminhamento para participar do processo seletivo (entrevista).
Órgão responsável

Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte - SETRE

Categorias

Nomes populares

Público alvo (Usuário do serviço)

Mecanismos de consulta e comunicação

Consulta ou acesso

1. Site do Ministério do Trabalho e Previdência: https://servicos.mte.gov.br e https://empregabrasil.mte.gov.br
2. Aplicativo Sine Fácil disponível na loja de aplicativos para aparelhos com Android e IOS
3. Site do Governo Federal: https://www.gov.br
4. Aplicativo Meu gov.br disponível na loja de aplicativo para aparelhos Android e IOS

Comunicação

Site da Ouvidoria Geral do Estado: http://www.ouvidoria.ba.gov.br/
Central de Atendimento da Ouvidoria Geral do Estado: 0800 284 0011
Horário de funcionamento: 8:30h às 18h

Email Ouvidoria SETRE: ouvidoria6@setre.ba.gov.br
Telefone da Ouvidoria SETRE: (71) 3115-1610
Horário de funcionamento: 8:30h às 18h

Tempos de espera e máximo estimado

Previsão de espera

Não se aplica para o serviço online.

Prazo máximo estimado

Não se aplica para o serviço online.

Meios de Contato e legislação pertinente

Meios de Contato

Não é realizado o serviço por e-mail ou telefone. Exceto quando na modalidade videoatendimento
disponível no SAC Digital.

Endereço de e-mail disponível: sinebahia.atendimentoremoto@setre.ba.gov.br ;

Procedimentos

Após receberem a manifestação dos cidadãos referentes aos serviços públicos estaduais, deverão encaminhar e acompanhar as sugestões, reclamações, informações, denúncias e elogios. O ouvidor especializado do órgão ficará responsável pela resposta final, através da forma escolhida pelo cidadão no momento do registro da manifestação.

Prioridades de atendimento

Lei Federal nº 10.048/2000
As pessoas com deficiência, os idosos com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, as gestantes, as lactantes, as pessoas com crianças de colo e os obesos terão atendimento prioritário.

Lei Federal nº 13.466/2017
Dentre os idosos, é assegurada prioridade especial aos maiores de 80 (oitenta) anos, atendendo-se suas necessidades sempre preferencialmente em relação aos demais idosos.

Legislações Pertinente

Etapas

Etapa: 1

    Pré requisitos e documentos necessários:

    Pode haver a existência prévia de cadastro do trabalhador no Sistema, quando da utilização dos serviços do Sine nas unidades físicas ou plataformas web. Caso não possua, o cadastramento poderá ser realizado via web nos sites do Ministério do Trabalho e Previdência: https://servicos.mte.gov.br, empregabrasil.mte.gov.br, ou ainda Portal: www.gov.br e pelo aplicativo Sine Fácil.

    Para realizar cadastramento do trabalhador através dos sites do Ministério do Trabalho e Previdência ou pelo aplicativo Sine Fácil.
    Orientações para os serviços web:
    Pelo site do Ministério do Trabalho e Previdência: (https://servicos.mte.gov.br e empregabrasil.mte.gov.br) ou ainda Portal: www.gov.br:
    1. O trabalhador deverá clicar em “Entrar” abrirá a tela, a ferramenta de autenticação do trabalhador no site.
    2. Informar dados pessoais (CPF, nome, data de nascimento, nome da mãe, estado de nascimento (se for nascido no exterior, a opção será “Não sou brasileiro”).
    3. Essas informações serão validadas no Cadastro Nacional de Informações Sociais (Cnis), caso estejam corretas, o trabalhador será direcionado a responder um questionário com cinco perguntas. Por isso, é importante ter em mãos a Carteira de Trabalho. É preciso acertar pelo menos quatro das cinco perguntas.
    4. Em seguida, o trabalhador receberá uma senha provisória que deverá ser trocada no primeiro acesso.

    Obs.: Caso tenha errado ao menos duas perguntas das cinco apresentadas, você poderá tentar novamente após 24 horas ou emitir pelo internet banking, dos bancos autorizados CEF ou BB, caso você tenha conta nestes Bancos.

    Pelo aplicativo Sine Fácil:
    Tem-se as opções de acesso com o Portal Gov.br, inserindo CPF e senha cadastradas, ou através da utilização do QR Code, que é um código de barras que pode ser escaneado pela maioria dos aparelhos celulares que têm câmera fotográfica.

    Existem três formas diferentes de obter o QR Code:
    1. No documento impresso e entregue pelo empregador para o trabalhador ou no posto de atendimento, no momento da solicitação do benefício do Seguro- Desemprego.
    2. Procurando um Posto do Sine mais próximo, para atualizar o cadastro e solicitar ao atendente que gere um QR Code.
    3. Realizar o cadastro no site do Ministério do Trabalho e Previdência (https://servicos.mte.gov.br) e acessar a funcionalidade para geração do QR Code.

    Obs. 1: Os demais sites: https://empregabrasil.mte.gov.br e https://www.gov.br direciona o acesso para o portal: https://servicos.mte.gov.br

    Obs. 2: O Aplicativo Meu gov.br utiliza outras bases de informação governamentais para o acesso ao cadastro do trabalhador.

    Canais de atendimento:

Etapa: 2

    Pré requisitos e documentos necessários:

    Requisitos:
    - Para pesquisar vagas de emprego, o trabalhador deve estar cadastrado no sistema (Etapa 1);
    - Estar com o cadastro atualizado nos últimos 03 (três) meses;
    - Não possuir mais do que 03 (três) cartas de encaminhamento presencial de unidade pendentes de resultado ou 07(sete) cartas pendentes de resultado no caso de encaminhamentos via Web.

    A pesquisa de emprego poderá ser feita através do site do Ministério do Trabalho e Previdência: ou pelo aplicativo Sine Fácil.
    Orientações para o serviço web:
    Pelo site do Ministério do Trabalho e Previdência: (https://servicos.mte.gov.br e empregabrasil.mte.gov.br) ou ainda pelo Gov.br.
    1. O trabalhador deverá clicar em “Entrar” abrirá a tela da ferramenta de autenticação do trabalhador no site. Será necessário informar o CPF e a senha.
    2. Caso seja o primeiro acesso, será apresentada uma tela para que sejam preenchidos os dados pessoais (CPF, nome, data de nascimento, nome da mãe, estado de nascimento (se for nascido no exterior, a opção será “Não sou brasileiro”) que serão validadas no Cadastro Nacional de Informações Sociais (Cnis). Caso estejam corretas, o trabalhador será direcionado a responder um questionário com cinco perguntas. Por isso, é importante ter em mãos a Carteira de Trabalho. É preciso acertar pelo menos quatro das cinco perguntas. Em seguida, receberá uma senha provisória que deverá ser trocada no primeiro acesso.

    Obs.: Caso tenha errado ao menos duas perguntas das cinco apresentadas, você poderá tentar novamente após 24 horas ou emitir pelo internet banking, dos bancos autorizados CEF ou BB, caso você tenha conta nestes Bancos.

    Pelo aplicativo Sine Fácil:
    Tem-se as opções de acesso com o Portal Gov.br, inserindo CPF e senha cadastradas, ou através da utilização do QR Code, que é um código de barras que pode ser escaneado pela maioria dos aparelhos celulares que têm câmera fotográfica.
    Existem três formas diferentes de obter o QR Code:
    1. No documento impresso e entregue pelo empregador para o trabalhador ou no posto de atendimento, no momento da solicitação do benefício do Seguro- Desemprego.
    2. Procurando um Posto do Sine mais próximo, para atualizar o cadastro e solicitar ao atendente que gere um QR Code.
    3. Realizar o cadastro no site (https://servicos.mte.gov.br) e acessar a funcionalidade para geração do QR Code.

    Obs. 1: Os demais sites: https://empregabrasil.mte.gov.br e https://www.gov.br direciona o acesso para o portal: https://servicos.mte.gov.br

    Obs. 2: O Aplicativo Meu gov.br utiliza outras bases de informação governamentais para o acesso ao cadastro do trabalhador.

    Links para acompanhar as vagas divulgadas (disponíveis):
    1-Site Setre:http://bit.ly/vagasdodiasinebahia
    2-Instagram: https://instagram.com/stories/sinebahiaoficial/2577239743117828099?utm_source=ig_story_item_share&utm_medium=share_sheet
    3-Facebook:https://m.facebook.com/SineBahia/?locale2=es_LA

    Canais de atendimento:

Etapa: 3

    Pré requisitos e documentos necessários:

    Constitui na emissão de carta de encaminhamento para participar do processo seletivo ao trabalhador que atenda os requisitos do perfil de vaga ofertada no sistema;

    Requisitos:
    - Ter realizado a pesquisa de emprego, conforme etapa 2;
    - Estar com o cadastro atualizado nos últimos 03 (três) meses;
    - Ter perfil profissional compatível com o perfil das vagas disponibilizadas pelos empregadores;
    - Não possuir mais do que 03 (três) cartas de encaminhamento pela unidade de atendimento ou 07 (sete) cartas de encaminhamento via web pendentes de resultado;

    O solicitante do serviço deve ser o próprio trabalhador.

    O encaminhamento para processos seletivos poderá ser feito através dos sites do Ministério do Trabalho e Previdência ou pelo aplicativo Sine Fácil.
    Orientações para o serviço web:
    Pelo site do Ministério do Trabalho e Previdência:(https://servicos.mte.gov.br e empregabrasil.mte.gov.br) ou ainda pelo Portal Gov.br:
    1. O trabalhador deverá clicar em “Entrar”, abrirá a tela com a ferramenta de autenticação do trabalhador no site. Será necessário informar o CPF e a senha.
    2. Caso seja o primeiro acesso, será apresentada uma tela para que sejam preenchidos os dados pessoais (CPF, nome, data de nascimento, nome da mãe, estado de nascimento (se for nascido no exterior, a opção será “Não sou brasileiro”) que serão validadas no Cadastro Nacional de Informações Sociais (Cnis). Caso estejam corretas, o trabalhador será direcionado a responder um questionário com cinco perguntas. Por isso, é importante ter em mãos a Carteira de Trabalho. É preciso acertar pelo menos quatro das cinco perguntas. Em seguida, receberá uma senha provisória que deverá ser trocada no primeiro acesso.

    Obs.: Caso tenha errado ao menos duas perguntas das cinco apresentadas, você poderá tentar novamente após 24 horas ou emitir pelo internet banking, dos bancos autorizados CEF ou BB, caso você tenha conta nestes Bancos.

    Pelo aplicativo Sine Fácil:
    Tem-se as opções de acesso com o Portal Gov.br, inserindo CPF e senha cadastradas, ou através da utilização do QR Code, que é um código de barras que pode ser escaneado pela maioria dos aparelhos celulares que têm câmera fotográfica.

    Existem três formas diferentes de obter o QR Code:
    1. No documento impresso e entregue pelo empregador para o trabalhador ou no posto de atendimento, no momento da solicitação do benefício do Seguro- Desemprego.
    2. Procurando um Posto do Sine mais próximo, para atualizar o cadastro e solicitar ao atendente que gere um QR Code.
    3. Realizar o cadastro no site do Ministério do Trabalho e Previdência:(https://servicos.mte.gov.br) e acessar a funcionalidade para geração do QR Code.

    Obs.: Quando encaminhado, após realização do processo seletivo/entrevista, deverá retornar à unidade Sinebahia para informar sobre o resultado do processo seletivo, pois o sistema limita a três(3) cartas de encaminhamentos pela unidade Sinebahia e sete (7) cartas de encaminhamentos pela Web com pendência de retorno, para que o Sine possa dar o resultado do encaminhamento no Sistema.

    Obs. 1: Os demais sites: https://empregabrasil.mte.gov.br e https://www.gov.br direciona o acesso para o portal: https://servicos.mte.gov.br

    Obs. 2: O Aplicativo Meu gov.br utiliza outras bases de informação governamentais para o acesso ao cadastro do trabalhador.

    Canais de atendimento:


3.8
Baseado em 33 avaliações
5 estrelas
4 estrelas
3 estrelas
2 estrelas
1 estrela